Trinca Ferro. Acasalar ou não? Eis a questão

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Trinca Ferro. Acasalar ou não? Eis a questão

Mensagem por Davi Hemerly em Seg Ago 26, 2013 8:11 am

Trinca Ferro. Acasalar ou não? Eis a questão

Prezados amigos.

Aqui em nossa região ainda é muito difundido que pássaro com fêmea (acasalado) não é bom. Aproveitando esse “gancho” pergunto a esses criadores que assim pensam: - Será que os grandes campeões Nacionais não são acasalados? Em contato com um criador de Jacareí (SP), o mesmo disse que: - “Os criadores que dizem e pensam que fêmeas estragam os pássaros de fibra, estão com 20 (vinte) anos de atraso em relação aos criadores do sudeste e sul do país, onde os Torneios de Fibra beiram o profissionalismo.” Na verdade o que acontece e muito aqui na nossa região, é a falta de conhecimento e paciência no trato do acasalamento o que geralmente traz resultados indesejáveis aos nossos pássaros.


Com base no exposto, muitos devem estar se perguntando: - Então como é que se faz, pra acasalar um pássaro e ter um bom resultado? A resposta é bem simples: - Não existe uma fórmula que garanta 100% de aproveitamento no acasalamento. O que se sabe e é certo é que todo pássaro bem acasalado rende de 35% a 40% o seu rendimento; mas ainda não se respondeu a pergunta que não quer calar: - Como é que se faz então? ... Outra resposta de fácil entendimento: - Observação! Observação?! Isso mesmo! O verdadeiro criador é aquele que observa seu pássaro e consegue perceber as mudanças de seu comportamento e tentar fazer com que ele melhore gradativamente. Tenho alguns conhecidos imediatistas, que ficam a espreita para verem os resultados das “mexidas” dos outros para SEMPRE criticarem os resultados, e isso sempre acontece em rodinhas onde os comentários nada construtivos ocorrem. Eu mesmo fui vitima desses pequeninos criadores. Adquiri um Trinca Ferro de nome AVATAR (com 3 anos de idade) recém chegado de Brasília – DF, onde levei para sua primeira participação em torneios ficando em sétimo lugar com 69 cantos. Pense numa falácia negativa? Pois é, o que essas pessoas não sabem é que trabalhar com fêmea necessita de muita experimentação e o laboratório é a roda, portanto, estar modificando a “mexida” e observar os resultados é preponderante nessa difícil tarefa que envolve conhecimento e paciência. É por isso que muita gente prefere pagar vultos altíssimos, na aquisição de um pássaro pronto, para evitar essa trabalheira... Mas assim é fácil! O bom mesmo é você descobrir a forma certa de trabalhar seu Trinca, pode demorar, mas você consegue.


Importante ressaltar, que todo ser varia de individuo para individuo e os nossos pássaros não fogem a regra. Cada pássaro tem sua preferência e tendência a uma aceitação no processo de acasalamento para torneios de fibra. Uns gostam de ver a fêmea durante todo tempo e separá-los no momento da roda; outros preferem acasalar apenas ouvindo a fêmea de perto, outros de longe, e existem os Trincas que não aceitam fêmeas de jeito nenhum, ai seu desempenho cai absurdamente. Em fim, é você criador que tem que descobrir o jeito de seu pássaro, e isso não é fácil; necessita tempo e dedicação, pois não é a fêmea que estraga o pássaro e sim você mesmo. Darei outro exemplo pratico e bem pertinho: Aqui no interior da Bahia em Vitória da Conquista um amigo criador estava “mexendo” com seu Trinca e seu rendimento estava oscilando bastante, ai ele resolveu trocar de fêmea. Antes da troca da fêmea seu pássaro de nome “BARRINHA” tinha dado 60 cantos, ficando lá em baixo na tabela de pontuação e após a troca da fêmea e uma “mexida” mais acertada o mesmo “BARRINHA” dias após, atingiu modestos 223 cantos, ficando 80 cantos em frente do segundo colocado. Interessante é que muita gente criticava o pássaro, bem como sua forma de criar, e com sua persistência e empenho levou o “BARRINHA” ao rol das melhores médias do Brasil e o recorde Baiano. Não podemos desconsiderar que existem criadores que preferem trabalhar seus Trincas sem fêmeas e obter sua satisfação nos torneios em que participa. Isso é respeitável, aceitável e em alguns casos recomendável o que não se admite mais, são as críticas de forma depreciativa que não contribui para melhoria do nosso segmento.


Pois bem amigos, esse artigo nada mais é que um desabafo e uma forma de elevar a nossa consciência para buscarmos o maior numero de informações possíveis para tratarmos nossos pássaros e potencializar seus desempenhos. Aos críticos deixo uma mensagem: - Não existe conhecimento sem estudo; Não existe acerto sem tentativas e sem erro; Não existe perfeição sem treino; Não existe “mexida perfeita” sem observação e o principal. Eu estou fazendo minha parte e vocês? Abraço a todos e até a próxima.

Sérgio Flores - RECONCANTO


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Dicas Importantes:
- Clique no botão [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]para escolher a melhor Resposta.
- Respeite as [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] e conheça as [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
- Como abir um [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
- [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
- Curta a nossa página no Facebook
- Não peça suporte por MP

Davi Hemerly
Administrador
Administrador

Masculino
Sub-Nick : K2
Quantos pássaros você cria? : 2
Mensagens : 9779
Reputação : 868
Idade : 24
Data de inscrição : 04/09/2012
Localização : Vitória ES

Ver perfil do usuário http://www.nacaodospassaros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Trinca Ferro. Acasalar ou não? Eis a questão

Mensagem por Moisés Marcilio em Dom Set 01, 2013 10:18 am

Ótimo Davi.

Moisés Marcilio
Criador experiente
Criador experiente

Masculino
Quantos pássaros você cria? : Cúrio,Trinca-Ferro e Coleiro.
Mensagens : 1238
Reputação : 100
Idade : 18
Data de inscrição : 23/05/2013
Localização : Santa Catarina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Trinca Ferro. Acasalar ou não? Eis a questão

Mensagem por Anthony Fernandes em Sex Out 04, 2013 11:07 am

UP!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Anthony Fernandes
Criador ativo
Criador ativo

Masculino
Quantos pássaros você cria? : 13
Mensagens : 4960
Reputação : 480
Idade : 17
Data de inscrição : 19/10/2012
Localização : Monte Verde-MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Trinca Ferro. Acasalar ou não? Eis a questão

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 3:34 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum