Medicamentos e inseticidas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Medicamentos e inseticidas

Mensagem por Davi Hemerly em Seg Mar 04, 2013 10:44 am

Medicamentos e inseticidas
Intoxicações


Intoxicações Medicamentosas

O uso indiscriminado de medicamentos figura como uma das principais causas de
intoxicação nas aves. Isso acontece com muita freqüência pois os criadores
administram às aves os mais variados medicamentos que são encontrados com
facilidade nas lojas especializadas em produtos veterinários.

Os antibióticos são utilizados para melhorar o crescimento, aumentar o ganho de
peso e evitar as infecções; as sulfas também são usadas de modo abusivo quando os
animais apresentam qualquer problema de saúde; as perturbações decorrentes da
dosagem inadequada destes medicamentos podem ser observadas, por exemplo,
através da resistência que os microorganismos vem adquirindo aos antibióticos; as
intoxicações causadas pelo uso das sulfamanidas em doses excessivas e por longos
períodos se constituem em outro exemplo de ação danosa de um medicamento
sobre o organismo da ave.
Os medicamentos que mais comumente causam intoxicações nas aves quando não
são respeitadas as especificações fornecidas pelo fabricante são:

As SULFAS que em altas doses causam a síndrome hemorrágica. A
sulfaquinoxalina é o principal responsável por esta enfermidade que se caracteriza
por hemorragias na musculatura, nos órgãos internos e também por alterações na
medula óssea. A síndrome hemorrágica pode ter outras causas além das
intoxicações pelas sulfamidas. Entre elas temos: o uso inadequado de certas
coccidiostáticos, a deficiência de vitamina K e as nefrotoxicoses.

Os NITROSURANOS que em excesso provocam sonolência, abatimento, excitação,
paralisia e morte.

O AMPROLIUM, usado no combate à coccidiose quando administrado durante
longo tempo ou em proporções erradas determina o aparecimento de sintomas
característicos de avitaminose B1. Ele atua inibindo a produção desta vitamina ao
nível do intestino da ave. Aliás a inibição por parte dos medicamentos
anticoccidianos de certos nutrientes indispensáveis às aves se explica, pois para que
haja o desenvolvimento da Eimeria, há também a necessidade de algumas
vitaminas, e os medicamentos atuam bloqueando a utilização das mesmas.

Os antibióticos são nocivos não só pelos fenômenos tóxicos que causam aos
animais, mas também pela resistência que as bactérias vem adquirindo a estes
medicamentos. Ultimamente temos notado que é bastante comum isolarmos de
aves doentes Staphylococcus, Streptococcus, Escherichia coli, Pseudomonas, etc.,
que se mostram altamente resistentes aos antibióticos de uso veterinário.

A via de administração do medicamento e a dosagem correta são fatores de
importância no sucesso de um tratamento. Assim, por exemplo, a ESTREPTOMICINA pode causar a morte quando administrada por via parenteal; O CLORANFENICOL pode causar lesões na medula óssea se for usado durante períodos muito longos; A TIROTRICINA não deve ser usada por via
parenteal, porém é bem tolerada para uso tópico.

As substâncias tóxicas podem ser absorvidas pelo trato digestivo, pela pele e pelas
vias respiratórias. Algumas delas são totalmente metabolizadas, sendo o fígado, o
órgão mais importante neste metabolismo. A eliminação destas substâncias se dá
pelos rins, fezes e bile.

Uma série de fatores afetam os fenômenos da intoxicação. A dosagem do
medicamento que é administrado ao animal, a tolerância de cada indivíduo ao
medicamento usado e até mesmo as diferenças de sexo, idade e porte, provocam
reações variadas de ave para ave.

O diagnóstico das intoxicações não é muito fácil, pois na maioria dos casos as
manifestações clínicas não são muito típicas e as lesões encontradas se assemelham
com aqueleas encontradas em outras enfermidades. O exame histopatológico
confirma o diagnóstico.

INTOXICAÇÃO POR INSETICIDAS
As aves estão sujeitas a diversas ectoparasitose, e para combatê-las usamos os
inseticidas que podem ser perigosos para a sua saúde. Atualmente os inseticidas
orgânicos são os mais usados no combate aos insetos e ácaros e podemos dividi-los
em: inseticidas orgânico-sintéticos e inseticidas orgânicos de origem vegetal.
Entre os inseticidas orgânicos-sintéticos temos: clorado, fosforados e carbamatos; e
entre os inseticidas de origem vegetal temos: nicotina, retenona e piretrinas.
Os clorados mais usados nas criações de aves são o DDT e o Lindane; os fosforados
são o Malatol, O Vapona, Neguvon e Assuntol; os carbamatos são Baygon, Bolfo e
Sevin. Tais inseticidas vem sendo usados com eficácia no cambate aos parasitas
que vivem no corpo das aves e também aqueles encontrados no meio ambiente. É
importante que estes produtos sejam usados convenientemente e em doses
adequados pois podem ser tóxicos para os animais.
Vejamos a seguir o que as intoxicações causadas por inseticidas podem
determinar.

INTOXICAÇÃO POR INSETICIDAS CLORADOS
Altos níveis de DDT, por exemplo, podem determinar distúrbio na reprodução,
com modificações do ciclo reprodutivo das aves, falhas na ovulação, diminuição na
eclosão dos ovos, produção de ovos de casca fina, aumento na mortalidade
embrionária e redução do instinto maternal.
Há também diminuição no consumo dos alimentos e em fases mais avançadas da
intoxicação surgem tremores, flacidez da musculatura do pescoço e por isso as aves
não conseguem sustentar a cabeça, e o bico chega a tocar o fundo da gaiola. Estes sintomas se acompanham de fraqueza das pernas e as aves apoiam sobre os tarsos.
Há hiperexcitabilidade, perda do equilíbrio e os pássaros se debatem muito,
sofrendo verdadeiros "ataques". A proporção que a doença evolue, tais ataques se
acentuam e culminam com a morte da ave.
As vias de absorção dos inseticidas clorados são: oral, respiratória e cutânea. Uma
das características desses produtos é que são considerados como venenos
cumulativos.

INTOXICAÇÃO POR INSETICIDAS FOSFORADOS
Estes inseticidas também determinam sintomatologia nervosa. Assim temos:
tremores musculares, principalmente na cabeça e pescoço, salivação intensa, perda
do apetite, lacrimejamento, convulsões, paralisia e morte. As vias de absorção dos
inseticidas fosforados são: oral, respiratória e cutânea.

INTOXICAÇÃO POR CARBAMATOS
A intoxicação que estes inseticidas determinam nas aves, é semelhante aquela
causada pelos fosforados e as vias de absorção são idênticas.

INTOXICAÇÃO POR PIRETRÓIDES
Dos inseticidas de origem vegetal, as piretrinas são as mais usadas nas aves, pois
são menos tóxicas que os demais. Doses excessivas deste produto podem
determinar: insuficiência respiratória e salivação excessiva.
O tratamento das intoxicações por inseticidas é difícil e de um modo geral o êxito
depende do pronto atendimento ao doente e da quantidade do produto absorvido.
Os medicamentos usados no tratamento são os seguintes.

Intoxicação por clorados – fazer o tratamento sintomático; para a excitação usar
babitúricos, e para evitar a pneumonia, que acompanha este tipo de intoxicação,
fazer uso de antibióticos de largo espectro.
Intoxicação por fosforados e carbamatos – uso do sulfato de atropina por via
intramuscular. E recomendável também o uso de antibióticos de largo espectro,
para evitar a pneumonia causada geralmente por estase sanguínea.
Intoxicação por piretróides – não há antídoto.

Prof. Dra Deila Maria Ferreira Scharra

Texto retirado do livro: Doenças dos pássaros e outras aves (infelizmente este livro
está esgotado) Deila Maria Ferreira Scharra



[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]Dicas Importantes:
- Clique no botão [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]para escolher a melhor Resposta.
- Respeite as [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] e conheça as [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
- Como abir um [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
- [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
- Curta a nossa página no Facebook
- Não peça suporte por MP

Davi Hemerly
Administrador
Administrador

Masculino
Sub-Nick : K2
Quantos pássaros você cria? : 2
Mensagens : 9779
Reputação : 868
Idade : 24
Data de inscrição : 04/09/2012
Localização : Vitória ES

Ver perfil do usuário http://www.nacaodospassaros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medicamentos e inseticidas

Mensagem por Itamar Júnior em Seg Mar 04, 2013 6:41 pm

Muito bom o artigo!

Itamar Júnior
Criador experiente
Criador experiente

Masculino
Mensagens : 1680
Reputação : 132
Idade : 16
Data de inscrição : 13/01/2013
Localização : Santa Catarina

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/junior.rossatto.9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medicamentos e inseticidas

Mensagem por Reryson Colares em Ter Mar 05, 2013 6:41 am

Assunto de suma importância!


Respeite as regras do fórum!!!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Reryson Colares
Administrador
Administrador

Masculino
Sub-Nick : RC
Mensagens : 5855
Reputação : 562
Idade : 20
Data de inscrição : 12/09/2012
Localização : Fortaleza-ce

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medicamentos e inseticidas

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 9:15 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum